1000 dias de mandato com 96 mil euros de dívida saldados e anúncio de recandidatura (c/video)

Além da efeméride, outra razão motivou a convocatória da população. “Durante estes mil dias de mandato, tivemos que ir ao cofre da Junta tirar 96 euros diariamente para saldar a dívidade 96 mil euros deixada pelo anterior executivo de S. Martinho do Campo. Nós que somos acusados de falar sempre da dívida, a verdade é que ela acompanhou-nos ao longo destes mil dias e, hoje, por coincidência, conseguimos fazer o último pagamento”, anunciou o autarca, que se diz em condições para cumprir o resto do mandato “como sempre quis”. A boa-nova foi “a cereja no topo do bolo” dos festejos pelo trabalho desenvolvido até agora e que o executivo defende “ser bom”. “Com os 96 mil euros, conseguiria fazer muito mais obra do que aquela que fizemos”, acrescentou. Num discurso bem-humorado, no qual recordou que as reuni- ões de executivo “se prolongam por horas a fio” e “as meninas até já levam lanche”, Marco Cunha não perdeu a oportunidade para anunciar que está garantido um novo terreno para a realização da feira em S. Martinho do Campo. São vários os projetos que Marco Cunha quer implementar na freguesia e por isso vai já preparando terreno para o futuro, oficializando a recandidatura às eleições autárquicas, que se realizam no próximo ano. “O meu grande objetivo é acabar com as estradas em terra. Qualquer pessoa que paga impostos tem que ter o acesso à sua habita- ção com dignidade. E estou convencido que se a população me der a oportunidade de fazer um mandato inteiro, vamos conseguir acabar com esse problema”, sustentou. Uma ligação à estação de caminhos de ferro também está na mira do autarca, que também não enjeita outros projetos de envergadura. “A nossa freguesia, pela escala que atingiu de sete mil habitantes e de dez quilómetros quadrados, necessita de um auditório. Queremos estes projetos e sabemos que não se faz tudo num dia, mas vamos reivindicando e perseguindo este sonho”, atestou. “Proximidade” é a palavra preferida do autarca, que a repetiu vá- rias vezes no jantar, onde foram destacados os vários projetos realizados ao longo deste mandato, principalmente na área social, como “as consultas de nutrição, o atendimento descentralizado da Ação Social da Câmara Municipal, a criação do Espaço do Cidadão e o passeio anual”. “As visitas constantes às escolas e criação das melhores condições para os alunos, a atribuição de prémios de mérito escolar, o apoio às associações e o desporto sénior são uma grande aposta deste executivo”, acrescentou. E quanto à “obra física”, Marco Cunha destacou “a requalificação da Rua do Moutinho e a beneficia- ção da zona envolvente à Escola Básica de S. Martinho do Campo, que estão a decorrer”, e “o acordo firmado com a autarquia para o alargamento da Travessa da Escola Secundária”, para breve.

Obrigado por ler esta notícia

Veja tambem