18
Sun, Feb
18 New Articles

“O que fazer se o meu filho está ‘ligado’ horas a fio?” ou “Quais os perigos à espreita na internet?” foram algumas das questões levantadas na sessão que marcou, em Santo Tirso, a efeméride que é assinalada, a 6 de fevereiro, em mais de cem países, o Dia da Internet Mais Segura. O objetivo era “alertar os mais jovens para os perigos da Internet” e, para isso, a Câmara Municipal de Santo Tirso promoveu ações de sensibilização dinamizadas em cooperação com a Polícia Judiciária, a Universidade do Minho e a Comissão Nacional de Proteção de Dados para “cerca de 600 alunos”.
A Biblioteca Municipal, o Centro Cultural Municipal de Vila das Aves e a Escola Secundária D. Afonso Henriques foram palco, a 5 e 6 de fevereiro, de ações de sensibilização da comunidade para “uma utilização mais cuidada e segura da web”. “Contamos com a colaboração dos agrupamentos de escolas do concelho, que se revelaram muito recetivos a desenvolver este tema, exatamente porque consideram ser uma oportunidade para introduzir e/ou reforçar os temas da segurança digital entre alunos, professores e encarregados de educação”, explicou a vereadora da Educação, Sílvia Tavares.

Afastado da competição desde 2012, o tirsense Armindo Araújo está de regresso ao Campeonato de Portugal de Ralis, onde vai defender as cores oficiais do Team Hyundai Portugal.

O piloto tirsense, assim como o seu navegador Luís Ramalho, foram apresentados oficialmente na quinta-feira, 1 de fevereiro, numa unidade hoteleira em Cascais. Armindo Araújo vai conduzir um Hyundai i20 R5 e será apoiado em termos técnicos pela equipa espanhola RMC Sport.

 

Leia a reportagem na íntegra na edição n.º 121 do Jornal do Ave 

Promete “ser de arromba” a noite de carnaval em Santo Tirso.

A iniciativa, promovida pela Câmara Municipal de Santo Tirso, tem o seu início marcado para as 21.30 horas de segunda-feira, 12 de fevereiro, com o corso carnavalesco a percorrer as ruas do Picoto, Dr. A. J. Pires de Lima e Sousa Trêpa, terminando no Largo Coronel Batista Coelho.
O corso carnavalesco terá como participantes o Grupo de Gaiteiros da Ponte Velha, Ritmo’ CAID, Palco-Academias de Dança, Paty Fitness, Capoeira, keep on Dancing, LTW – Less Than a Week, Daniel Carneiro Health & Fitness, Ginásio OAMIS, a União de Freguesias de Santo Tirso, Couto (Santa Cristina e São Miguel) e Burgães, o Grupo de Samba de Refojos e a Companhia de Amigos do Ave.
Durante a noite, há ainda lugar para um concurso de mascarados, a cargo da Junta da União de Freguesia de Santo Tirso, Couto (Santa Cristina e São Miguel) e Burgães, que conta com uma oferta de prémios e fotografia aos vencedores.
Mas as comemorações do Carnaval em Santo Tirso começam já esta sexta-feira, 9 de fevereiro, a partir das 14 horas, com milhares de crianças das escolas do concelho a participarem no mega desfile. Com partida do Largo da Feira, as ruas da cidade vão ser invadidas por personagens dos livros, das telas de cinema e das histórias de encantar.
No caso de as condições climatéricas não permitirem que a festa se faça na rua, a Câmara Municipal de Santo Tirso tem previsto que o desfile das escolas de dia 9 de fevereiro se realize na Fábrica de Santo Thyrso e que a noite de Carnaval tenha lugar no Pavilhão Municipal.

 

O Desportivo das Aves venceu hoje na visita ao Belenenses, por 5-2, em jogo da 22.ª jornada das I Liga portuguesa, e deixou provisoriamente a zona de despromoção.
Sob o comando de José Mota, o Desportivo das Aves somou o segundo triunfo consecutivo, com golos do guineense Mama Baldé, aos dois minutos, André Moreira, na própria baliza, aos 13, do líbio Hamdou Elhouni, aos 28, de Paulo Machado, aos 39, na marcação de uma grande penalidade, e do argentino Luis Fariña, aos 90.
Nuno Tomás, aos 44, e o brasileiro Maurides, aos 86, na conversão de um castigo máximo, ainda reduziram para os lisboetas, que somaram o 12.º jogo consecutivo sem vencer e seguem no 13.º lugar, com 21 pontos, mais um do que o Desportivo das Aves, que subiu provisoriamente do 18.º e último posto para o 15.º.

 

Fonte: Lusa

Arrancou, a 31 de janeiro, a segunda fase da requalificação da Avenida Manuel Dias Machado, que vai trazer uma nova urbanidade ao centro de S. Martinho do Campo.
Com um investimento de “200 mil euros”, a intervenção vai incluir a reformulação do arruamento, criação de passeios, a reabilitação da rede de drenagem das águas pluviais e a execução de nova rede elétrica. A intervenção vai facilitar a circulação automóvel e pedonal numa via de grande movimento.
“Esta requalificação vem no seguimento da intervenção que iniciamos em outubro, a segunda fase da requalificação da Avenida. Trata-se do troço sul, uma extensão da Avenida, que é feita no âmbito desta empreitada por se tratar de uma entrada importante para o centro cívico que está a ser requalificado”, explicou o edil tirsense, Joaquim Couto.
Por sua vez, Marco Cunha, presidente da Junta de Freguesia de Vila Nova do Campo, considera que esta não é “uma obra apenas para as pessoas de S. Martinho do Campo”, porque “vai facilitar a circulação que é feita nesta via, de grande movimento, em grande parte por pessoas das freguesias e concelhos limítrofes”.

De forma a dar um impulso à atividade agropecuária em Vila Nova de Famalicão e a promover a utilização das melhores práticas ambientais, os proprietários de explorações agropecuárias vão estar isentos das taxas municipais urbanísticas de legalização de construção, utilização e melhoria das condições de salubridade e segurança, até junho de 2019. A proposta do presidente da Câmara, Paulo Cunha, foi aprovada em Assembleia Municipal, em dezembro de 2017.

Videos em destaque

Siga-nos no facebook